Como finanças e big data podem se aliar para melhor gestão corporativa?

Como finanças e big data podem se aliar para melhor gestão corporativa? - Como finanças e big data podem se aliar para melhor gestao corporativa - organizacao, consumo, banner, aplicacoes -

Normalmente, executivos e gestores das empresas utilizam dados para suas análises e as transformam em informações para suporte à tomada de decisão sobre o negócio. Neste artigo, vamos apresentar como finanças e big data podem se aliar para a melhor gestão corporativa, apresentando conceitos e abordagens práticas sobre o sucesso desse processo.

Gerenciar por informações e não por dados

A delegação de operações, controles e tomada de decisões gerenciais é uma ótima, e talvez única, forma de gerir um negócio de forma efetiva. A alta administração deve ser participada a respeito de informações para avaliar e definir os rumos estratégicos da organização. Tudo sem que tenha de se preocupar em atuar diretamente nas rotinas da organização.

Esse gerenciamento sobre as operações deve ser obtido pelo acompanhamento de indicadores consolidados e que permitam auxiliar o desenvolvimento do negócio e definir ajustes necessários.

O Departamento Financeiro é um dos maiores geradores de conteúdo do mundo, além de gerar também é um enorme consumidor de dados. Agora imaginem a tentativa, no mundo atual, de um analista usar todos esses dados. Ou melhor, imaginem o mesmo analista tentando guardar todos esses dados ao longo do tempo para poder gerar o melhor indicador. Pensaram? Complicado! pois neste ponto que entra a tecnologia do Big Data. Ele permite que os dados sejam armazenados e processados com rapidez e segurança para a avaliação dos executivos, evitando que esses cheguem à exaustão por comprometer um tempo maior na busca dessas informações.

Com isso, esses líderes são liberados para exercer com maior eficiência seu papel na organização, isto é, o de pensar estratégias para o negócio.

Integração de finanças e Big Data para a melhoria da gestão corporativa

A integração do big data com as operações financeiras da empresa deve ocorrer desde a primeira transação da entrada de determinado pedido de vendas, de um pedido de compras, de uma oportunidade de negócio que gerará um custo operacional e, posteriormente, de seu atendimento de pós-venda.

Essa integração envolve trabalhar com um repositório de dados que podem ser usados para a extração de informações necessárias à gestão.

Esse conceito permite a mais variada possibilidade de obtenção de informações, pois o big data não é um sistema de processamento de dados normal de uma empresa e sim uma ferramenta que pode ser programada para gerar a informação mais adequada de análise e com a vantagem de integrar não apenas os seus dados, mas os dados externos ao seu ambiente corporativo. Pensem em uma fazenda de plantação de cana-de-açucar, onde informações climáticas são determinantes na operação e resultado financeiro da empresa. Não apenas os dados históricos da empresa (vendas do ano passado, quantidade de acres plantados, mudas de replantio, etc) serão analisados, mas também a informação sobre a evolução do clima da região e essa informação não é gerada pela fazenda, mas pode estar na mesma estrutra de Big Data.

Com o emprego da ferramenta, é possível alterar estratégias comerciais, avaliar custos nas operações, apuração de margens e projeções de resultados futuros, permitindo, dessa forma, que haja ajustes em tempo real de estratégias estabelecidas, evitando frustrações futuras de resultados por análises “atrasadas”.

Utilizar dados financeiros com big data é uma situação efetiva e que serve como o referencial para acompanhar transações de caixa, fluxo de recebimento e pagamentos, relacionamento com clientes, fornecedores e avaliação de projeções de resultados.

Otimização de tempo e de decisões com ferramentas integradas

O mundo corporativo atual necessita trabalhar com inovação, informações consistentes e rápidas para que possa gerar um negócio sólido, competitivo e com diferencial em relação ao mercado.

Dessa forma, ter a possibilidade de utilizar uma ferramenta que possibilite auxiliar uma efetiva gestão estratégica é determinante para o sucesso de qualquer empresa.

Possuir soluções informatizadas que utilizem dados integrados da organização passa a ser necessário, inclusive com redução de custos com pessoal e de diminuição dos riscos que representam, para a empresa, a utilização de informações desatualizadas e inconsistentes.

Os modelos de big data permitem o executivo acessar suas informações de forma virtual, através de diversas opções, em tempo real e ininterrupto. Isso se transforma em decisões muito mais eficazes de ajustes e melhorias nos resultados da empresa.

Tempo é dinheiro e, além disso, pode propiciar muito mais tranquilidade e saúde para quem amplia seu tempo disponível, de forma adequada e estruturada.

Considerações finais sobre soluções de finanças e big data

Se você teve dúvidas sobre estes conceitos ou interesse em aprender mais, o Data Experience promove palestras e discussões sobre todos os temas ligados a Análise de Informações, Big Data, Inteligência Artificial e outras tecnologias que podem impactar o futuro da sua empresa. Nos chame para uma conversa. O mundo está passando pela maior revolução desde a era industrial e nós queremos ajudar você a ver tudo o que existe de possibilidade para o seu negócio.

Assine nossa newsletter e fique por dentro dos conteúdos que te darão suporte e serão um diferencial para atingir um novo patamar para sua empresa, unindo tecnologia e negócios.

  • facebook
  • googleplus
  • twitter
  • linkedin
  • linkedin
Previous «
Next »

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Destaque