O que é medicina preditiva e sua influência na saúde?

O que é medicina preditiva e sua influência na saúde? - O que e medicina preditiva e sua influencia na saude 1 - saude, organizacao, medicina-preditiva, digital-business, consumo, banner, aplicacoes -

Você sabe o que é medicina preditiva e sua importância para a saúde? É o que veremos a partir de agora!

Todas as áreas de conhecimento humano vêm sendo impactadas pelo avanço da tecnologia e a saúde é uma das principais beneficiadas no processo. Isso tanto no âmbito de identificação como no tratamento de doenças.

Uma verdadeira revolução vem sendo observada com o surgimento e aprimoramento da inteligência artificial, que muito tem auxiliado à medicina.

Medicina Preventiva e Preditiva

A primeira coisa que temos de entender é a diferença existente entre medicina preventiva e preditiva, então vamos apresentar o conceito de ambas:

Medicina Preventiva

É entendida como a que trata da saúde do indivíduo, através de exames que permitam a interpretação de taxas resultantes destes testes, conjugada com a avaliação geral do paciente sobre os riscos de doenças ou a constatação dessas, atuando para eliminar ou minimizar suas consequências.

Medicina Preditiva

Utiliza os recursos médicos e tecnológicos, aliados aos avanços no estudo da biologia, para antecipar predisposições de doenças ao longo da vida do indivíduo, permitindo ação para antecipar um reequilíbrio e tratamento antecipado de eventuais doenças.

Aplicação da medicina preditiva

Através de estudos genéticos e de emprego de inovações tecnológicas, é possível monitorar a saúde presente e futura do indivíduo, permitindo uma ação antecipada sobre possibilidades de doenças ocasionadas por predisposição genética, reduzindo o risco à saúde do indivíduo.

Utilizar tecidos inteligentes que bloqueiam ações agressivas ao organismo, assim como roupas com chips que identificam frequência cardíaca, podem ser exemplos de como se fazer um acompanhamento dos riscos de doenças durante a vida.

Mas a medicina preditiva vai além, pois permite o uso de estudos do genoma humano para identificar tendências e ações de sua correção, com o uso de inteligência artificial e suas análises sobre dados científicos, permitindo atuar para que a doença não ocorra.

O uso desse tipo de medicina atua inclusive sobre os custos de saúde da população, reduzindo tratamentos posteriores da doença e eliminando necessidade de internações e afastamentos das pessoas do convívio social e/ou profissional, algo que representa um custo humano enorme.

A medicina preditiva utiliza os dados de pacientes permitindo uma avaliação diferenciada para uma visão clínica do indivíduo.

Críticas ao uso da medicina preditiva

Críticas são feitas à luz do direito individual e também quanto ao uso de mapeamento genético, por expor dados e a possibilidade de alarmar pessoas quanto a suas tendências a doenças futuras.

Existem ainda muitas dúvidas no campo da medicina preditiva, que deverão ser esclarecidos no futuro próximo para uma maior compreensão sobre esta evolução com base em dados e fatos efetivos.

Uma outra crítica diz respeito a que pessoas com tendências a doenças identificadas na medicina preditiva sejam oneradas em planos de saúde pela maior possibilidade de requerer tratamentos médicos preventivos.

Benefícios da medicina preditiva para a saúde

· O tratamento antecipado;

· Evitar a instalação de doenças;

· Identificação de possíveis novas moléstias;

· Tempo necessário a estudar suas curas;

· Diagnóstico imediato de possíveis complicações à saúde do ser humano, e consequente tratamento.

Esses são alguns dos aspectos positivos a serem avaliados por esse novo tipo de medicina e que devem nortear as discussões, comparativamente às críticas sobre tal inovação.

Considerações finais sobre medicina preditiva e saúde

Tal mudança de paradigma no cuidado com a saúde certamente despertará muitas discussões em nível do direito individual, conceitos religiosos e a própria discussão sociológica quanto ao comportamento humano em encarar suas fragilidades e atuar sobre elas antecipadamente.

Estamos entrando em uma nova era de alterações importantes quanto à forma de vermos e convivermos com nossas limitações e possibilidades de tratamentos de nossas doenças, e isso deverá tomar conta das discussões humanas nos anos vindouros.

  • facebook
  • googleplus
  • twitter
  • linkedin
  • linkedin
Previous «
Next »

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Destaque